Técnico do ciclismo do RJ é contra a dopagem e deixa seu recado nos Jogos da Juventude

O técnico do ciclismo do Rio de Janeiro, Marcos Ladislau, também esteve no jogo de perguntas e respostas da Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem - ABCD no Centro de Convivência dos Jogos Escolares da Juventude Fortaleza 2015. Confira o recado que ele deixou:

“Os jovens precisam dessa informação para começar uma carreira adulta sabendo a diferença entre se dopar e se alimentar de modo correto. Hoje em dia, eles não têm essas informações, acabam seguindo atletas mais experientes que usam dopagem para se dar bem, enganando o atleta que está do outro lado.

Atletas que se dopam não colocam a saúde em primeiro lugar, colocam a performance, o contrato do ano que vem e isso leva a práticas que nem sempre são saudáveis, como essa de dopagem.

“Na academia, muitos não querem saber o correto, querem saber logo de ficar fortes, de ter ganhos. O personal que não orienta a tomar certos medicamentos, não é tido como um bom profissional por eles.”

Legenda: Atletas, médico e técnico do ciclismo do Rio com a ABCD no Jogo Limpo