Notícias
Você está na seção de Notícias da Central de Mídia. Aqui você encontra notícias e reportagens sobre a antidopagem no esporte e sobre as ações da ABCD

Ministério do Esporte intensifica luta contra o mosquito Aedes Aegypti

O Brasil inteiro está no combate contra o mosquito Aedes Aegypti, aquele que transmite a Febre Chikungunya, a Dengue e o Zika Vírus. E todo mundo já sabe o que precisa ser feito para que o mosquito não se reproduza, tem que eliminar a água parada. Mas não custa nada enfatizar a importância de estar atento à prevenção contra essas doenças. Por isso, o Ministério do Esporte, engajado em uma atividade articulada pelo Governo Federal, tem alertado à população para a necessidade de enfrentamento ao Aedes Aegypti, a começar pelos funcionários da pasta.

Durante esta semana várias ações foram feitas nas sedes do Ministério do Esporte, a começar pelo novo prédio, sediado no Setor de Indústrias Gráficas. Todos os servidores puderam participar de uma palestra ministrada pelo Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental, José Ivan Mayer, que tratou exatamente do combate ao mosquito. 

E em meio às ações já conhecidas Ivan apresentou uma nova forma de ficar longe do Aedes, com o cultivo de uma planta de nome complicado, mas de trabalho eficiente, a Crotalária. “As flores dela atraem as libélulas, que são predadoras vorazes dos mosquitos de um modo geral, em especial do Aedes Aegypti”, esclarece Ivan Mayer.

Sementes desta planta foram entregues aos servidores, que agora além de buscarem extinguir o mosquito no ambiente de trabalho, vão passar a lutar contra ele em suas casas e alertar também os familiares e amigos. Ação que o ministro do Esporte, George Hilton, acredita ser a mais eficaz. “Agora nós vamos para a parte fora do Ministério, vamos envolver as confederações, os clubes, os clubes sociais, vamos também fazer um trabalho com as torcidas organizadas, com material farto de conscientização e orientação da população”, afirmou o ministro do Esporte, que sexta-feira esteve reunido com os secretários da pasta exatamente para tratar destas questões. 

Ele cobrou de todos que estejam atentos aos focos de propagação do mosquito nas dependências do Ministério. E também que os secretários desenvolvam ações que coloquem o esporte na luta contra a Febre Chikungunya, a Dengue e o Zika Vírus, como por exemplo em programas como o PELC (Programa Esporte e Lazer das Cidades), e também o programa Segundo Tempo, que lida com centenas de milhares de escolas no Brasil. “A reunião demonstrou um nível de comprometimento muito grande do Ministério do Esporte com todos os seus servidores, nessa luta que é de todos nós contra o mosquito Aedes Aegypti”, completou George Hilton.  

Matéria de Rafael Pacheco/ASCOM-Ministério do Esporte
Foto: Francisco Medeiros

Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem – ABCD
Setor de Indústrias Gráficas - SIG, Quadra 04, lote 83
Bloco C, 2º andar, sala 201
Condomínio Capital Financial Center
70610-440 - Brasília DF
Tel: +55 61 3429 6919
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

© 2014 Ministério do Esporte. Todos os direitos reservados.