Assunção, no Paraguai, recebe oitava edição do Seminário Legal Antidopagem

A cidade de Assunção, no Paraguai, recebe até esta quinta-feira (28.03) a oitava edição do Seminário Legal Antidopagem da América do Sul. Representantes de 14 países, como Argentina, Chile, Brasil, Equador, Peru, Uruguai, México, República Dominicana e Costa Rica, estão presentes no evento que tem como objetivo construir um pensamento padronizado na atuação jurídica do controle antidopagem.

Representantes de 14 países em Assunção em busca de pensamento padronizado na atuação jurídica do controle de dopagem. Foto: DivulgaçãoRepresentantes de 14 países em Assunção em busca de pensamento padronizado na atuação jurídica do controle de dopagem. Foto: Divulgação

O seminário reúne juristas, advogados, integrantes de organizações nacionais e representantes da Agência Mundial Antidopagem (WADA, na sigla em inglês). O Brasil está sendo representado por Thaysa Valeska Reis Figueiredo e por Fernando Ferraza Nardes, colaboradores da Coordenadoria de Gestão de Resultados da Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD), entidade vinculada à Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania.

Entre os temas abordados no seminário estão gestão de resultados de amostras, ações e prazos em casos de resultados analíticos adversos, resolução de conflitos, políticas de monitoramento permanente e seu impacto na gestão de resultados. Também estão previstos encontros bilaterais para incentivar a cooperação entre as organizações da região latinoamericana. A diretora do escritório latinoamericano da Wada, María José Pesce, afirmou que o seminário é estratégico para fomentar a prática do jogo limpo no esporte.

Ascom - Ministério da Cidadania